16 de setembro de 2018

Porquê fazer um retiro de silêncio?


Nós, humanos, funcionamos por tendências. Desenvolvemos hábitos e rotinas, tendo por base um ideal já criado pelo meio envolvente onde vivemos e segundo os nossos princípios de base.
É comum, por isso, a mente trabalhar de forma automática e vivermos a sensação de que, o importante é ser 'semelhante' ou 'imitar' o que realmente parece ser acertado para a vida.

Com todo este processo, desenvolvemos diálogos internos, conversas intermináveis connosco mesmos, onde até chegamos a criar personagens e figuras que correspondem aos dilemas do momento, para nos convencermos que estamos a lidar com a situação ou a resolvê-la.

Quando praticamos o silêncio condicionado - que nada mais é do que um silêncio estruturado para a evolução positiva do ser - conseguimos perceber lentamente, após cada minuto em silêncio, o quanto desperdiçamos energia mental e emocional pela forma mecânica e natural que processamos cada pensamentos e emoção.

Portanto, fazer um retiro de silêncio, é muito mais do que uma tendência, poderá ser o ponto de viragem da tua vida... o momento em que finalmente tomas consciência, respirando isso mesmo em ti e em todas as tuas células, do que és na realidade nesta experiência aqui.

Todos podem fazer um retiro de silêncio?
Comigo, nos meus retiros, todos tem lugar e podem tirar o máximo partido do exercício.
Como não sigo 'regras' criadas para manipular a pessoa a seguir uma religião, um guru, ou qualquer tipo de filosofia, tudo flui de forma natural e ao encontro do potencial de cada um.

As únicas exigências estão relacionadas com o cumprimento do papel de 'aprendiz', com disponibilidade suficiente para receber todos os ensinamentos que o seu mestre interior lhe quer ditar.

O meu próximo retiro de silêncio será nos dias 12, 13 e 14 de Outubro.

Mais do que uma experiência, o retiro de silêncio poderá ser o 'salto' que procuras para mudar a tua vida!!!

Alguma questão fala comigo!

Joaquim Caeiro
Retiros de Silêncio Retorno à Fonte
jcaeiro@live.com.pt / 960 059 885 (sms)

14 de setembro de 2018

Só consegues ser paz e amor AGORA!

Ao longo destes anos, centenas de pessoas me procuraram para os ajudar a encontrar a paz e o amor.
Por mais que lhes tentasse explicar que só temos um único momento para ser o que queremos ser, poucos entendem e aceitam a possibilidade de ter de deixar de 'olhar para trás', ou procurar as respostas no passado.

Vivemos várias épocas e várias modas, no que toca à evolução da descoberta de caminhos para a paz interior. Religiões, filosofias foram alimentando egos e entretendo mentes, até esgotarem todas as possibilidades de cura e 'salvação'.

A psicanálise, na sua investigação profunda, procura no passado a chave para a cura de todos os problemas - uma viagem sem retorno, pois ao descobrir a raiz de um problema, desencanta-se mais uns quantos - e precisaríamos viver mais de mil vidas para resolver todas as questões do passado.

A solução, e repito a única solução, é investires no AGORA.
Só o AGORA tem o poder de transformar. Só o AGORA tem o poder de imprimir nas tuas células registos de padrões actuais e reais, que poderão ser o tal passado 'ideal' no teu futuro.

É aí que eu actuo - na construção de condições para poderes viver cada vez mais o momento presente.
É isso que faz toda a diferença e transforma.

Pensa assim, para contigo mesmo:
'........ (o teu nome), foste o melhor que poderias ter sido. ...... (nome) fizeste o melhor que poderias ter feito. ..... (nome), o futuro é resultado deste momento, portanto ..... (nome), trata de ser o melhor de ti mesmo AGORA! E está feito! Com isso tudo será curado e transformado. Pois, como poderá caber o medo, a ansiedade, a preocupação, os problemas do passado, num presente preenchido com o 'agora'? ;-)

Faz sentido para ti?

Comenta. Partilha. Investe no agora e sê o melhor que podes ser de ti mesmo AGORA!

Joaquim Caeiro
Life Coach & Instrutor de Meditação
jcaeiro@live.com.pt / 960 059 885 (sms)

13 de setembro de 2018


Harmonização de Espaços

Mais do que tudo, um espaço é a pessoa ou pessoas que nele habitam ou costumam estar.
Criamos muitas possibilidades e fantasias acerca da 'contaminação' energética de um espaço, quando na verdade tudo se pode resolver a uma simples actuação em consciência da verdade existencial - se somos o 'agora', o momento presente, e se o espaço é resultado na nossa influência, basta vibrarmos amor, bem estar, harmonia e felicidade para que ele se transforme!!

Obviamente que, se fosse assim tão fácil, não existiriam tantas questões à volta desta temática!
Comecemos pelo principio - quando começa esse espaço a existir na tua vida, na tua mente ou na tua experiência existencial? Em que condições esse espaço entrou na tua vida? De que forma e em que situação emocional estabeleceste contacto com esse espaço?

Aparentemente, somos o que criamos e o que vibramos.
Basta acreditar, para que a vibração existe e se faça expandir ou extinguir, dependendo dos intervenientes e das condições do cenário envolvente.

O que faço neste tipo de actuação?
Visito o espaço. Estabeleço ligações sóbrias e verdadeiras entre o espaço e a(as) pessoa(s).
Ajudo os envolvidos a entender como tudo se desencadeou e identifico pontos-chave, ou alavancas fortes que ajudem na transformação interna da percepção do espaço.

Por vezes, um simples quadro ou a forma como a pessoa entra no espaço pode ser o comando principal para a continuidade de uma acção energética mais densa e desagradável.

Faz sentido para ti?
Partilha. Comenta. Investe na criação de espaços felizes!

Abraço-te 🙏

12 de setembro de 2018

Meditar ou reprogramar/condicionar o cérebro?

Meditar é ficar na presença do momento, na quietude do 'agora' e na ausência de intenção em fazer seja o que for. Reprogramar ou condicionar, é condicionar o cérebro a um processamento determinado de forma a alcançar algo específico.

O que precisas realmente fazer? Meditar ou reprogramar o teu cérebro?
Apesar de parecerem duas acções semelhantes, na sua essência são acções completamente distintas.

A meditação é a ausência de acção. A criação da crença natural e fluída que tudo está certo e é perfeito. A reprogramação, é uma acção que envolve uma intenção bem definida e focada. É a preparação da mente para um determinado propósito.

Por exemplo, se o teu problema é stress, preocupações e agitação, então é preciso sossegar 'as águas' do teu oceano interior, e aí o indicado é a meditação. Se já assumiste o controlo da ansiedade, já tens noção do teu poder interno e de alguma forma já vives os teus dias mais tranquilos e desejas algo mais para a tua vida, então o exercício a fazer é reprogramação.

Como o podes fazer?
Usando a meditação em primeiro lugar, para arranjar espaço na mente e depois fazendo um 'imput' de acordo com o que pretendes.

Por defeito, a mente está programada para sobreviver, portanto tudo o que tentares colocar no seu interior será condicionado pelo seu habitual processamento. Para que possas levar as tuas intenções a 'bom porto', terás de trazer à tona memórias, sensações, e episódios que te fizeram sentir no auge de ti mesmo... no melhor da tua existência e no mais positivo do teu eu. Ao fazer isso, estarás a trabalhar o 'terreno' para poderes plantar a 'semente' do que queres que nasça!

Se precisares de ajuda, estou aqui! ;-)

Grande abraço em paz.

Joaquim Caeiro
Coach & Instrutor de Meditação
jcaeiro@live.com.pt

11 de setembro de 2018



Tu és mais do que tudo o que acreditas ser.
Tu és o infinito, o sol, o amanhecer.

Não te contentes apenas com o que a vida te traz a cada instante.
Sim, agradece muito e sempre por isso - mas mantém-te erguido e com o olhar no horizonte.
Há mais para ti...

A interpretação que criaste da vida, torna-a real em ti.
Cabe a ti, e só a ti, fazeres algo para mudar, caso não estejas satisfeito.
O tempo que tens para o fazer? Nenhum - pois já passou.
É agora esse tempo... porque amanhã nem sequer existe.

Começa por criar os hábitos e rotinas essenciais à criação do alicerce.
Faz meditação, exercício e escolhe alimentar esse corpo com o melhor.
Não percas tempo em devaneios do ego, e somente foca a tua atenção no essencial - tu!

Lembra-te que, tu és o universo e o universo és tu.
Tudo começa e termina em ti, porque tu és o criador.
Não fujas dessa responsabilidade e assume-te, permitindo-te viver a experiência mais sublime da existência - TU MESMO ALÉM DE TI!!!

Bom dia 🙏

O que faz um Coach?

Um Coach, é um treinador, instrutor, alguém que ajuda outra pessoa ou várias pessoas a prepararem-se para algo... ou a alcançarem algo. 
Um Coach, é uma espécie de 'professor fora da sala de aula' - além de ensinar, envolve-se e ajuda na concretização de objectivos e metas - sejam individuais ou de grupo.

Coaching, é um processo que envolve ensinamentos e treinamentos associados ao desenvolvimento pessoal e profissional. Um trabalho que visa ajudar os envolvidos a explorarem as suas melhores qualidades e a construírem o foco ideal.

Como Coach, normalmente actuo tendo por base o todo, (poderá dizer-se que sou um 'Coach Holístico'), e faço de tudo para garantir ao máximo o sucesso na realização do plano de ação, tendo em conta todas as áreas dos envolvidos.

As principais tarefas e ações do Coach podem ser:
- ajudar na identificação de mecanismos para explorar o poder pessoal
- ajudar a criar o foco em consonância com a realidade dos envolvidos
- ajudar a identificar uma problemática que possa estar a inibir o crescimento - pessoal ou profissional
- treinar os envolvidos para o alcance de todos os objectivos propostos
- ajudar a criar condições que favoreçam a continuidade do trabalho
- manter-se ligado e envolvido com a pessoa ou grupo, de forma a garantir a concretização do plano criado
- ser e actuar na postura de 'testemunha' e 'observador' - sem julgamentos
...

Como desenvolvo o meu trabalho de Coach e que passos considero essenciais?

Numa primeira consulta, que normalmente demora aproximadamente duas horas, ajudo a pessoa a perceber a sua situação actual e o seu papel como agente transformador.
Se a pessoa estiver preparada para agir, nessa mesma consulta assume o compromisso e cria-se um plano de acção básico.

A primeira parte desse plano, envolve uma visita minha ao seu meio-ambiente e identificar influências directas e indirectas negativas em todo o processo.
Com base nessa visita, consigo perceber que acção se torna mais importante e mais urgente, de forma a garantir a construção de algo em alicerce firme.

Dependendo do nível de compromisso da pessoa, crio, em conjunto com a mesma, um plano de acção exequível e real de forma a ajudar a pessoa a sentir-se confiante e entusiasmada nas primeiras acções.

A partir daqui, eu 'adopto' a pessoa. 
Se a pessoa se compromete verdadeiramente não há como não fazê-lo, pois o crescimento é conjunto.

No que diz respeito a valores e a custos de todo este trabalho, tento de alguma forma ajustar-me às possibilidades de quem me procura sem sair da linha da valorização próspera.

Queres saber mais sobre o meu trabalho como Coach?
Fala comigo: jcaeiro@live.com.pt