2 de março de 2018

Em ti, que personagem és?


Em ti, que personagem preferes para te fazer companhia?
Em ti, que personagem odeias, rejeitas ou desaprovas?
Em ti, que personagem és verdadeiramente?

Já alguma vez colocaste como hipótese, que tudo o que acreditas até agora, pode estar errado?! Já alguma vez colocaste como hipótese, de 'desdizer' o que antes afirmaste como certo ou 'desfazer' o que antes fizeste como correcto?! Já alguma vez viveste a experiência de quase loucura, em que pareces perder a noção da identidade, experimentando um gostinho a omnipresença?

O que me ajudou a manter lúcido, foi ter conseguido albergar nesta personagem multifacetada, a possibilidade de que tudo o que digo, faço e sou, apenas serve para o momento, pois no momento seguinte pode estar completamente errado.

Cruzo-me com muitas existências humanas, que me procuram para ajuda e orientação, e no fim percebo que afinal, o próprio acto de procurar ajuda, é criado por mais uma personagem, que por estar 'separada' das restantes, parece manobrar o ego ferido e vitímizado.

São muitas as existências, perante momentos de entrega e profundo amor, que confundem e criam novamente outro esconderijo interno. Pergunto-me até quando conseguirão aguentar tal manobra...? Até quando conseguirão viver na visão limitada dos véus e crenças limitadoras?

E concluindo, sei que tudo isto sou eu também, nas milhentas possibilidades que o meu ego criou para se desmontar e reconstruir. Mas a grande diferença é que ao 'dançar' nestas águas incertas, nunca perco a conexão à fonte... à lembrança do que sou, e à certeza de que não sei, nem nunca saberei quem sou!

Não sou aquele que vê, sente ou julga.
Não sou aquele que age, cria ou destrói.
Não sou aquele que ama, odeia ou se zanga.
Sou algo sem nome, muito antes de todas as máscaras e personagens possíveis.

Joaquim Caeiro
jcaeiro@live.com.pt

1 de março de 2018

Só precisamos ser o melhor de nós... simples assim...

Olá 😊

Numa realidade onde a informação é livre e gratuita, são cada vez mais os indivíduos que, devido à sua inteligência versus necessidade de viver no papel de vítima (porque é mais confortável e não acarreta responsabilidades), se entregam a caminhos abstractos e cada vez mais confusos...

Todos nós de alguma forma passamos essa fase e experienciamos a possibilidade de escolher o caminho mais fácil ou o caminho da verdade, que para o nosso ego, pode representar o caminho mais complicado.

Sendo objectivo - após todos estes anos (11 anos) de atendimentos e procedimentos terapêuticos, na tentativa de salvar o individuo das suas próprias garras internas e obscuras, geridas e manobradas pelo subconsciente ferido e magoado, comprovei o que desde sempre acreditei e contribuiu para o meu estado de paz e felicidade plena com a vida e com o mundo - só precisamos ser o melhor de nós, e pronto está feito!!

A corrida desenfreada a sessões de hipnose, procedimentos terapêuticos específicos e novas ondas terapêuticas da moda, que nada mais são do que psicoterapia romantizada e adaptada à tendência actual ou 'psicanálises new age', revelam que a maturidade da consciência humana ainda está algures perdida  no oceano da ilusão. 

Eu pensei assim:
'Bem Quim, se só existe um momento, que se chama agora, se o futuro é criação a partir deste agora... se o passado é apenas um registo, então para seres livre e feliz, só tens de investir em ser o melhor de ti em cada agora e construirás um futuro brilhante ou pelo menos mais próximo do que pretendes!'

Depois questionava sobre o meu procedimento para com o próximo:
'Mas como fazer com as pessoas que não enxergam o que tu estás ver e a perceber? Dar-lhe o que elas pretendem ouvir e sentir, devido às suas crenças, ou entrar a 'matar' e desmontar todo o mecanismo limitador?'

Após várias acções e experiências, percebi que afinal a maior parte do ser humano não quer ser livre ainda!! Prefere permanecer na zona de conforto, porque só nisso acredita e só isso consegue ver!!

Com tudo isto quero apenas dizer-te que, tudo é uma questão de matemática e entendimento - 1 + 1 =2 - nem mais nem menos. Para uns pode existir outro resultado diferente, e está certo, mas no que toca à forma como a estrutura humana se faz acontecer, englobando todos os campos que a compõem (campo emocional, mental, espiritual, energético...), somos semelhantes e a própria essência existencial gere-se da mesma forma e baseia-se no mesmo fio condutor para todos!

Portanto, deixa-te de tretas e faz o que tem de ser feito!
Arregaça as mangas e assume de uma vez total responsabilidade sobre a tua vida, tornando-a uma experiência feliz e uma aventura consciente!

Lembra-te que o amanhã não existe, e que, hoje já é tarde demais!!!

Posso ajudar-te a criar um plano de acção. Posso ajudar-te a pensar.

DOU CONSULTAS EM: 
» Carcavelos
» Lisboa
» Cascais
» Portimão
» Évora
» Porto
» Ourém

Escreve-me a contar a tua problemática!
Juntos arranjaremos uma forma de dar o passo que tem de ser dado!

Gratidão 💗

Joaquim Caeiro
Life Coach, Psicoterapeuta da Alma, Terapeuta Tântrico





28 de fevereiro de 2018


Tantra Método Joaquim Caeiro

Quando nos encontramos com a verdade primordial, percebemos que somos conectados a tudo e a todos. Percebemos que somos homem e mulher... céu e terra... fogo e água em simultâneo. 

A forma como descobri a minha sexualidade, pode não ter sido o melhor trajecto ou vivência exemplar, mas foi isso que me empurrou para uma pacificação total na forma como esta personagem vive o sentir e o prazer nesta experiência que é a vida.

Castrados por uma sociedade de preconceitos, derivado a crenças limitadoras e padrões estruturados para um ideal e perfeição, levámos séculos a chegar ao ponto que, uma união ou casamento do mesmo sexo se vai tornando normal e natural. Revelando os grandes passos que demos ao longo da nossa existência, como humanos.

Neste caminho de Tantra, nada mais faço do que ajudar-te a despertar a força do sentir e o teu fogo interno, para que possas usufruir ao máximo do prazer - seja ele em que circunstância for.

O que faço nesta temática?
- Tratando-se de uma situação pessoal, aconselho sempre a realização de uma consulta onde poderemos, juntos, criar um plano de acção para a resolução da problemática apresentada.
- Criei um curso nesta temática, que se adapta a situações individuais, casais e de grupo, de acordo com a sua orientação sexual.
- Os retiros de Sexualidade Sagrada, promovem a concretização do individuo na sua totalidade.
- As Meditações Tântricas, ajudam-nos a trilhar percursos internos e experiências do self, onde poderemos descobrir cada vez mais estratégias para chegar onde queremos chegar! 

Não tenhas vergonha de encarar uma problemática e partilhá-la comigo.
A minha vida trouxe-me experiências, situações e casos - no que toca à minha pessoa em particular - que me criou capacidades para amar tudo e todos de igual forma, podendo assim partilhar o amor que sinto e a visão que tenho, para te ajudar a ser livre e mais feliz!

Problemas de erecção? Amas mas não te entregas?
Problemas associados ao tempo de duração do acto sexual?
Falta de libido? Sensação de neutralidade sexual perante o(a) companheiro (a)?
Relacionamentos 'falhados' pela temática da sexualidade?
Fobias, caprichos, fetiches e vontades estranhas nesta temática?
....

Seja qual for a tua questão, se estás a ler este texto é porque o que sou, ressoa contigo e em ti, por isso escreve-me, fala comigo e aproxima-te!!




21 de dezembro de 2017

Ceushi


CEUSHI - Meditação em Movimento

Acredito na fluidez de cada existência, como algo único e genuíno.
Cada movimento, cada passo, cada respiração e pulsar é único em cada individuo. 
Ter consciência disso, de uma forma permanente, é estar presente e ciente da própria presença em si mesmo. É, de alguma forma, trazer o 'céu' aqui e vibrar a mais pura das essências. O Ceushi é isso - o retorno à consciência da presença... a união ao todo... o regresso à origem, ou fonte primordial!

Ao longo de toda a minha jornada, desenvolvendo cada técnica, cada procedimento e abordagem, de acordo com o que sentia - sendo sempre fiel a isso - e sempre na presença da consciência de que tudo e todos são parte de mim, criei condições para aceder a uma espécie de fonte permanente, que me dá acesso à compreensão e ao entendimento da origem de todas as actividades terapêuticas milenares, onde percebo e acredito que devo agir - na expansão da lembrança de que todos o podem realizar!

O Ceushi - Meditação em Movimento, é um actividade direccionada para o despertar da união ao todo. Uma actividade que nos ajuda a tomar consciência da presença e da verdadeira essência da vida.

Em si, a actividade não tem nada de extraordinário - meros movimentos, posturas desenvolvidas em harmonia com a respiração e a atenção plena, onde aprendemos a conhecer melhor a respiração, a vida e a construir mais equilíbrio, paz interior e vitalidade - a verdadeira essência do Ceushi, está no seu propósito principal - ajudar o aluno a perceber as possibilidades infinitas que tem para desenvolver os seus próprios movimentos e as sua próprias posturas - actuar no foco da origem e da autenticidade de cada indivíduo.

Eu próprio, à medida que fui desenvolvendo o Ceushi, fui-me surpreendendo naturalmente pela capacidade, disponibilidade, e imensidão que todo o meu ser existencial pode ainda manifestar, mesmo após o alcance da paz.

Uma aula de Ceushi, é mais do que seguir o professor.
É uma jornada à consciência do poder interior... e afirmação do que realmente somos como seres únicos e autênticos.

Podes solicitar uma aula experimental grátis ou participar nas sessões de grupo que organizo frequentemente.

Qual o fio condutor principal desta actividade?
A respiração e a lentidão do movimento. Quanto mais lento o movimento, maior será a presença e a consciência do que somos.

Desde posturas semelhantes a posturas de Yoga. Movimentos semelhantes aos movimentos do Tai Chi e Chi Kung, o Ceushi levar-te-à à experiência em ti mesmo!

Para marcares uma sessão individual ou aula prática experimental, deverás enviar sms para 960 059 885.

A aula poderá ser ao ar livre, na praia, no jardim ou em tua casa.

24 de fevereiro de 2017

Passos essenciais do processo do Coaching


Tendo por base toda a minha experiência como Life Coach, Professor de Meditação e Psicoterapeuta da Alma, ao longo de todos estes anos, posso dizer-te que os passos essenciais do processo de orientação (coaching), são:

1 » Olhar para o momento presente
2 » Definir meta ou metas para o futuro
3 » Definir um plano de acção
4 » Identificação e desenvolvimento de condições e recursos necessários à concretização
5 » Agir
6 » Integração e aceitação do presente / revisão de metas e plano de ação
7 » Ser o foco a tempo inteiro

Em todos estes passos, e talvez o mais importante, tenho presente sempre a lembrança de quem somos, como humanos conscientes da sua  vivência em personagem emocional. 

Mais do que ajudar a pessoa a definir objectivos, traçar metas e criar condições para agir, é fulcral o desenvolvimento de uma consciência livre e mais real - todos os objectivos e metas deverão ser para concretização dessa mesma pessoa e para ela mesmo. Se não se desmontar o mecanismo que envolve a necessidade de aprovação por parte dos outros/sociedade/família, todo este trabalho cai em saco roto!

Marcação de consultas: jcaeiro@live.com.pt / 960059885 (sms)